I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

 

 Vida e Ministério

1908     21 de Junho: Nasce no Rio de Janeiro, precisamente na Rua Barão de Petrópolis, no bairro Rio Comprido.

             É o segundo filho do casal Jane Filson Soren (1877-1969) e Francisco Fulgêncio Soren (1869-1933).

 

1916     14 de Setembro: Professa sua fé perante a Igreja e no mesmo ano é batizado por seu pai, Pastor Dr. Francisco                                        Fulgêncio Soren, no templo da Rua Santana, 77.

 

1926     Ingressa no Seminário Teológico do Rio de Janeiro, transferindo-se mais tarde para o Seminário Batista de                                            Louisville, EUA.

             Bacharela-se em Humanidades no Colégio Batista do RJ, atualmente Colégio Batista Shepard.

 

1927     Parte para prosseguir seus estudos nos Estados Unidos da América do Norte.

             Integra como violinista a Orquestra Sinfônica da Rádio do Estado e violinista Spalla da Orquestra Sinfônica

             da Universidade de Louisville, podendo assim financiar seus estudos.  

1929     Integra o Westminster Literary Club  no Seminário de Louisville. 

             

             Recebe o grau de Mestre em Teologia pelo Southwestern Baptist Theological Seminary, em Louisville.

             Recebe o grau de Mestre em Artes, após defender tese na Faculty of Political and Social Sciences da Louisville                                    University.

 

1933     Volta para o Brasil.

             Ensina no Colégio Batista as disciplinas: Inglês, História da Civilização, Química e Física. É também instrutor

             de esportes. 

 

1934      Oficia seu primeiro casamento: João Muniz de Andrade e Odilla da Costa Andrade.

              3 de Dezembro: É eleito pastor da PIBRJ em sessão presidida pelo pastor interino da igreja,  missionário                                               Lewis Malen Bratcher.  Tinha a igreja, nesta data, 602 membros.

              24 de Dezembro: Casa-se com Nicéa Miranda, carioca, professora, Bacharel em Ciências e Letras e especializada                                 em Música pela Escola Nacional de Música, atualmente UFRJ.

             

1935       1°.  de Janeiro: É ordenado ao ministério da Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro. A Bíblia foi entrege pelo                                      irmão Manoel Corrêa Monteiro. O concílio foi composto dos seguintes pastores:                                                                                      José de Souza Marques (Igreja Batista do Engenho Novo),  Walfrido Monteiro (Igreja Batista de Tauá),                                                  Samuel Lawton Watson,  Asa Routh Cabtree e William Edson Allen. 

               Profere à Igreja o primeiro sermão:

                                                                 

                                                              "DIZE AOS FILHOS DE ISRAEL QUE MARCHEM"

              

               É eleito presidente da Convenção Batista Federal.

               24 de Fevereiro: Realiza seus primeiros batismos. Os irmãos: Bianca Mancini, Alayde Coelho da Fonseca,                                            Manoel Lins Falcão, Maria Raymunda Alves, Penina Barreto, Eudoxio Monteiro da Silva, Olinda Campos,

               Lydia Grimpeldt, Antonio Rodrigues, Manoel Moysés Barros Filho.

               Até o final de seu pastorado batizou 3.345 novos crentes.

               4 de Outubro, nasce o primeiro filho: a menina Marilia.

1936       É eleito presidente da Convenção Batista Federal, realizada na Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro (PIBRJ).

               É eleito membro do Conselho de Diretores do Hospital Evangélico do Rio de Janeiro.

 

1938       É eleito pela primeira vez presidente da Convenção Batista Brasileira , em Assembleia realizada na Igreja Batista

               de Itacuruçá, no Rio de Janeiro, que contou com 379 mensageiros.

 

1939       É reeleito presidente da Convenção Batista Brasileira (Primeira Igreja Batista de São Paulo, 299 mensageiros).

1940       30 de Dezembro, nasce o segundo filho: Cláudio.

1941       É eleito presidente da Convenção Batista Federal (PIBRJ).

 

1942-49  Preside a Junta Administrativa do Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil.

 

1944       24 de Novembro, nasce o terceiro e último filho: João Marcos.

1944-45  Participa da Campanha Militar Brasileira na Itália – Segunda Guerra Mundial,

               servindo como  capelão militar  na Força Expedicionária Brasileira, quando recebeu as seguintes condecorações:                                                Medalha do Esforço de Guerra, Medalha da Campanha da FEB,

               Cruz de Combate Primeira Classe (a mais alta condecoração de guerra do Exército Brasileiro) e a

               Silver Star (a mais alta condecoração de guerra do Exército Norte-Americano).

 

1946      É eleito presidente da Convenção Batista Brasileira (PIB de São Paulo, 635 mensageiros).                                                                                     É eleito presidente da Convenção Batista Federal (PIBRJ).

1947      É reeleito presidente da Convenção Batista Federal (PIBRJ).

 

1948      Começa a ensinar a disciplina Teologia Sistemática, em substituição ao Dr. William Carey Taylor, no Seminário Teológico                                 Batista do Sul do Brasil, tendo lecionado também: Teologia Protestante, Teologia Patrística e Filosofia da Religião Cristã.

 

              Participa, como membro, da fundação da Sociedade Bíblica do Brasil, entidade evangélica publicadora e promotora da                                       Bíblia, tendo servido como secretário da primeira diretoria.

 

1949      Publica “O Ensino Religioso nas Escolas do Estado” (Rio de Janeiro, edição: do Autor, 1949, 92p.) sobre a questão                                             suscitada pela legislação que faculta o ensino religioso nas instituições oficiais de ensino.

 

1950      É eleito vice-presidente da Aliança Batista Mundial, para o quinquênio seguinte.

              É eleito presidente da Convenção Batista Federal (PIBRJ).

          

1951      É reeleito presidente da Convenção Batista Federal (Igreja Batista do Méier).

 

1955      É eleito presidente da Junta Executiva da Convenção Batista Brasileira , cargo que ocupou durante 10 anos, tendo sido                                       reeleito 9 vezes consecutivas.

             

              Profere o discurso oficial do IX Congresso da Aliança Batista Mundial, realizado em Londres e comemorativo do

              Jubileu de Ouro da entidade.  "Give Ye Them To Eat"   foi o título do sermão.

 

1955      É eleito presidente da Convenção Batista Brasileira (Igreja Batista Floresta, em Porto Alegre, 196 mensageiros).

              Recebe o grau honorário de Doutor em Divindade do Georgeton College, EUA.

              É eleito presidente da Convenção Batista Federal ( Igreja Batista do Méier).

             

              O Coro de Meninos da Igreja Evangélica S. Thomas de Leipzig atua em concerto sacro na PIBRJ.   Fundado em 1212, o                                 coro foi regido por Johann Sebastian Bach durante 1723-1750.  Um expoente na história da Música Sacra no Brasil.

Linha do Temp

1955-60  É eleito membro da Comissão Executiva da Aliança Batista Mundial.

 

1956       É reeleito presidente da Convenção Batista Brasileira (PIBRJ, registrados 1.387 mensageiros, a maior até então realizada e                                              só superada 9 anos depois, na Assembleia de Niterói em 1965).

 

1957       É eleito pela 3ª. vez consecutiva presidente da Convenção Batista Brasileira (PIB Belo Horizonte, 1.066 mensageiros).

1958       É eleito presidente da Convenção Batista Federal (Igreja Batista do Méier).

 

1959       É eleito presidente da Convenção Batista Federal (Igreja Batista do Méier).

 

1960       Recebe a Medalha Comemorativa da Inauguração do Monumento Nacional aos Mortos da Segunda Guerra Mundial,                                                        das mãos do Marechal Mascarenhas de Moraes.

               Recebe o grau honorário de Doutor em Direito, do William Jewell College, de Liberty, Missouri, EUA.

               

               É eleito presidente da Aliança Batista Mundial, em assembleia realizada no Rio de Janeiro, para o quinquênio de 1960-1965.

               26 de Junho e 3 de Julho: Memoráveis cultos, de abertura e conclusão do X Congresso da Aliança Batista Mundial,

               quando 72 nações fizeram-se representar no templo da Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro.

               3 de Julho: É intérprete do pastor Dr. Billy Graham, no sermão da última sessão da Aliança Batista Mundial, no Estádio

               do Maracanã, RJ.  Na ocasião, o coro formado por mais de 3.000 mil vozes atuou sob a regência de Arthur Lackschevitz. 

               12 de Julho, nasce o seu primeiro neto: Amaru. 

 

1961       É eleito presidente da Convenção Batista Federal (Igreja Batista do Méier).

 

1962       É eleito presidente da Convenção Batista Carioca (Igreja Batista do Méier).

               Profere o discurso oficial da Convenção Batista Brasileira (44ª. Assembleia, Primeira Igreja Batista Curitiba, registrados 673                                          mensageiros).

               29 de Março, nasce o seu segundo neto: a menina Suray.

1965       15 de Maio, nasce o seu terceiro neto: Márcio.

1966       É eleito presidente da Convenção Batista Brasileira (Vila Mariana, SP, 1.596 mensageiros).

 

1967       Recebe a Comenda da Ordem dos Protetores da África, no grau máximo desta condecoração conferida pelo Governo                                                        da República da Libéria.

               É reeleito presidente da Convenção Batista Brasileira (Primeira Igreja Batista de Belo Horizonte, 1.066 mensageiros).

               12 de Dezembro: É eleito unanimente membro da Academia Evangélica de Letras, como Patrono da Cadeira 38.

1968       21 de Março, nasce o seu quarto neto: João.

 

1968-71  Dirige na qualidade de reitor o Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil.

 

1970       Profere o chamado “Sermão da Coroação” do XII Congresso da Aliança Batista Mundial, realizado em Tóquio.

               Profere como Reitor e Paraninfo o discurso "Acróstilo da Sabedoria" , no culto de formatura da Turma João Soren 

               do Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil, no santuário da Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro. 

 

1971       É agraciado com a Medalha Mascarenhas de Moraes.

1972       É o orador oficial da Celebração do Sesquicentenário da Independência do Brasil, promovida pela Convenção Batista do

               Estado do Rio de Janeiro.

1974       É eleito presidente da Comissão de Texto da Imprensa Bíblica Brasileira.

               É eleito Ministro-assessor da Cruzada de Evangelização Billy Graham / Grande Rio.

               29 de Julho: Recebe o diploma de Benemérito do Estado da Guanabara - RJ, conferido pela Assembleia Legislativa                                                          deste Estado.

 

1977-80  Dirige o Departamento de Estudos Teológico-Filosóficos do Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil.

 

1978       É eleito presidente da Confraternização dos Ex-Combatentes e Veteranos Evangélicos da FEB (Confratex), em reunião realizada                                    em Recife.

1981       É eleito presidente “o primeiro do Centenário” da Convenção Batista Brasileira, em assembleia realizada na cidade de Belém.

  

1982       Preside a Convenção Batista Brasileira, que comemorou, em Salvador- BA, o Centenário dos Batistas Brasileiros 1882-1982.

               Ele presidiu esta Convenção pela primeira vez, em 1938, quando tinha 29 anos de idade.

 

1984       Ano de comemorações do Centenário da Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro.

 

1985       1°.  Domingo de Janeiro:  50 anos de pastorado na Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro.

               6 de Janeiro:  Inauguração do Edifício Dr. João Filson Soren, uma homenagem da igreja a seu pastor.​                 

               13 de Janeiro:  Culto de Ação de Graças pelo Jubileu de Ouro Ministerial.

                 

               20 de Outubro: profere os seus últimos sermões, nos cultos matutino e vespertino, do púlpito de sua amada igreja.

 

               Recebe o título de Pastor Emérito da Primeira Igreja Batista do Rio de Janeiro, expressão dos membros da igreja, entregue pelo                                Diácono Orlando Pereira Pinto.   

 

1990       25 de Janeiro: É homenageado pela Associação dos Músicos Batistas do Brasil recebendo o prêmio Arthur Lakschevitz                                              “Amigo dos Músicos”, na 71ª.  Assembleia da Convenção Batista Brasileira, em Belo Horizonte.

               14 de Maio: falecimento de sua esposa, Nicéa Miranda Soren (1910-1990), amada companheira que esteve ao seu lado por 55 anos.

 

1991       1°.  de Outubro, nasce o seu primeiro bisneto: William.

1993       29 de Abril, nasce o segundo bisneto: a menina Stephanie.

1997       12 de Junho, nasce o terceiro bisneto: Richard.

1998       9 de Março, nasce o quarto bisneto: a menina Michelle.

2001       16 de Novembro, nasce o quinto bisneto: Cristian. 

 

2002       2 de Janeiro: Aos 93 anos de idade, o servo João Filson Soren é chamado à presença de seu Senhor.